Player da RNVW Ao Vivo RNVW Record Play

>

domingo, 22 de abril de 2018

Inter perde para o Palmeiras no Pacaembu com gol de cabeça de Dudu Colorado criou poucas oportunidades e sofreu tento em falha coletiva da defesa

O Inter perdeu para o Palmeiras, por 1 a 0, na tarde deste domingo, no Pacaembu. Apesar não repetir a atuação apagada da última quinta-feira em Salvador, o Colorado acabou sofrendo gol de cabeça do atacante Dudu, sem marcação, entre Klaus e Cuesta, dentro da grande área. Mesmo sem D’Alessandro, na maior parte do jogo, os comandados de Odair Hellmann criaram chances, mas não conseguiram chegar ao empate.
Com o resultado o Colorado ocupa a 10ª colocação com três pontos em duas partidas disputadas. O Palmeiras chega aos quatro pontos e entra no G4. O Inter volta aos gramados no próximo domingo, às 19h, contra o Cruzeiro, no Beira-Rio. Com a semana livre, a segunda-feira será de folga para todo o grupo Colorado, que se reapresenta na terça-feira, às 16h.
Dudu marca gol de cabeça sozinho na área
O Inter iniciou marcando a saída de bola do Palmeiras e, em cinco minutos, criou duas boas oportunidades para abrir o placar. Em 10 minutos, com quatro finalizações. Aos quatro, Camilo cobrou escanteio da direita, Pottker desviou de cabela e, no rebote da defesa, após bater em um zagueiro, a bola sobrou para Gabriel Dias chutar desequilibrado. Jailson fez milagre, salvando com os pés. Um minuto depois, Pottker roubou a bola e avançou em velocidade pelo meio. Da intermediária, o atacante bateu e goleiro palmeirense espalmou evitando o gol do Inter.
Com o avançar do tempo, o Palmeiras conseguiu se desvencilhar da forte marcação alta do Colorado e passou a atacar. Aos 14, Keno bateu forte da linha de fundo, pela direita, Danilo Fernandes, que voltava a meta após quase dois meses, afastou para frente e para cima. Borja, sem goleiro, cabeceou para fora. Dois minutos depois, após escanteio da esquerda de ataque, Edu Drascena cabeceou próximo ao travessão de Danilo Fernandes.
Até os 15 minutos, os dois times passaram a se enfrentar de intermediária a intermediária, sem conseguir furar os bloqueios ofensivos armados pelos técnicos. Depois de iniciar pressionando e com maior posse de bola, o Colorado passou a aguardar os donos da casa em seu campo ofensivo para contra-atacar, mas voltou a ter dificuldades para articular as jogadas e criar finalizações.
Mesmo com os 72% de posse aos 20 minutos, os comandados de Roger Machado passaram a sofrer com a intensa marcação no meio de campo, em especial, sobre Lucas Lima, Bruno Henrique e Dudu, e tinha dificuldades para armar as jogadas ofensivas. Somente aos 35, Borja arriscou um chute, mas a bola passou por toda a área e saiu no outro lado do gramado.
Quatro minutos depois, Lucas Lima, sem marcação, avançou pela direita e cruzou. Dudu, nas costas de Klaus, cabeceou livre para abrir o placar. Palmeiras 1 a 0 Inter. Após o gol, o clube paulista passou aguardar o Colorado em seu campo, para partir em rápidos contra-ataques.
Aos 44, Nico invadiu a área pela direita e caiu após Lucas Lima bater em suas pernas. O uruguaio reclamou da arbitragem, mas o árbitro Marcelo de Lima Henrique mandou o jogo seguir.
Inter pressiona, mas não consegue empatar
No intervalo, Odair Hellmann retirou Nico López e colocou Leandro Damião, que não atuava há dois meses. Como ocorreu no primeiro tempo, o Inter voltou pressionando, mas, atrás no placar, sofria com os contra-ataques dos donos da casa. Aos cinco minutos, Camilo avançou pela esquerda de ataque e passou para Edenilson, próximo a grande área. O meia cortou para o meio e bateu forte, mas a bola passou rente ao poste direito de Jailson.
Com os paulistas aguardando para contra-atacar, o Inter voltou a criar cinco minutos depois. Patrick cruzou da direita, Leandro Damião saltou mais alto que todos os marcadores e cabeceou para o chão. Mais uma vez Jailson salvou com os pés. A partir deste lance, os donos da casa voltaram a pressionar.
Aos 15, Bruno Henrique arriscou de fora da área, mas a bola saiu à direita da meta de Danilo Fernandes. Quatro depois, Borja recebeu lançamento no lado esquerdo, ganhou na velocidade dos marcadores e cruzou para dentro da área. Lucas Lima bateu rasteiro e a bola acertou a trave direita de Danilo Fernandes. Quando havia retornado a atuar no gramado defensivo do Palmeiras, aos 26, Hellmann retirou Camilo e colocou D’Alessandro.
Dois minutos depois, Leandro Damião chegou a marcar, mas a arbitragem anulou por impedimento. Com espaço para atacar, graças a postura do Palmeiras, o Colorado conseguia ficar com a posse da bola e usar as laterais para chegar ao ataque, mas, mesmo assim, seguia com dificuldades para fazer o gol de empate.
Aos 37, Edenilson cruzou da intermediária pela direita, Damião desviou de cabeça e a bola passou próxima ao poste direito de Jaílson. O Colorado tentou até o fim do jogo, mas não teve forças para marcar o gol e voltar para Porto Alegre com um ponto.
Campeonato Brasileiro 2018 – 2ª rodada
Palmeiras 1
Jailson; Marcos Rocha, Antônio Carlos, Edu Dracena, Diogo Barbosa; Felipe Melo; Dudu (Deyverson), Bruno Henrique; Lucas Lima (Moisés), Keno; Borja (Willian).
Técnico: Roger Machado.
Inter 0
Danilo Fernandes; Edenílson, Klaus, Cuesta, Iago; Dourado, Gabriel Dias; Nico López (Leandro Damião), Camilo (D’Alessandro), Patrick; William Pottker.
Técnico: Odair Hellmann.
Gols: Dudu (39min/1ºT)
Cartões amarelos: Iago e Rodrigo Dourado (I) e Bruno Henrique (P)
Cartões vermelhos: -
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Auxiliares: Michael Correia (RJ) e Silbert Faria Sisquuim (RJ)
Local: Pacaembu, em São Paulo (SP)

Nenhum comentário:

Postar um comentário